Os passageiros de um voo da companhia escocesa Loganair entre Southend, Inglaterra, e Derry, na Irlanda do Norte, viveram um momento insólito quando o piloto se recusou a descolar por excesso de peso.

A tripulação avisou que cinco passageiros tinham de deixar a aeronave, mas ninguém se voluntariou.

Após muita insistência, três pessoas lá aceitaram sair, às quais se juntaram as últimas duas a fazer o check-in.

Todos receberam compensação.

CM