Uma ambição que se transformou em pesadelo na vida de dois jovens de 19 e 25 anos de idade. Com objectivo de roubar uma viatura de marca Mitsubishi, modelo Pajero, os indiciados por sinal empregados do malogrado, teriam orquestrado um plano para acabar com a vida do seu patrão para em seguida vender o carro na província de Gaza.

O plano macabro, que já vinha sendo traçado há uma semana, foi consumado na noite de sexta-feira. O corpo da vítima foi escondido numa fossa.

A polícia na província de Maputo diz que já foi aberto um processo-crime contra os indiciados e segue os seus trâmites legais.

Segundo a polícia, os indiciados pretendiam vender a viatura por 150 mil meticais. Este não é o primeiro caso de crime que envolve empregados domésticos.

O País