A Renamo escolheu os candidatos a governadores provinciais. Entre os indicados, destaque vai para Manuel de Araújo que concorre para governador da Zambézia.

Foi em conferências realizadas em nove províncias que a Renamo escolheu os seus candidatos a deputados da Assembleia da República e a membros das Assembleias Provinciais.

Dos candidatos à cabeça-de-listas, estão alguns nomes conhecidos e outros menos sonantes. Aliás, alguns dos indicados são pessoas que disputaram as autárquicas de 2018. Tal é o caso de Manuel de Araújo, actual edil de Quelimane, que concorre a governador da província da Zambézia.

Os deputados Ricardo Tomás e Alfredo Magumisse foram eleitos para cabeça-de-listas da Renamo em Tete e em Manica, respectivamente. Para Sofala, foi indicado Noé Marimbique como candidato a governador.

Para o caso de Sofala, Noé Marimbique ganhou a corrida, após renúncia de três candidatos. E uma das pessoas que desistiram é Elias Dhlakama, derrotado nas eleições do presidente a Renamo.

Na Cidade de Maputo, a Renamo também realizou a conferência provincial, onde os membros escolheram apenas candidatos a deputados, visto que a capital do país tem um estatuto próprio, devendo deixar de existir um governo da província.

Folha de Maputo