A selecção moçambicana, orientada pelo técnico português Abel Xavier, foi eliminada do Campeonato Africano  das Nações, após consentir um empate (2-2) já aos 90+2 minutos, diante da Guiné Bissau em partida da última jornada do grupo K, quando precisava de ganhar para estar no CAN.

É a sexta vez consecutiva que a equipa nacional falha presença na maior de selecções do continente africano após ausências nos CAN de 2012, 2013, 2015 e 2017. A última vez que Moçambique marcou presença foi em 2010.

Os Mambas terminaram em terceiro lugar com 8 pontos, os mesmos que a Namíbia, que ficou em segundo, mesmo tendo sido goleado pela Zâmbia por 3-0.

Seguem assim para o CAN, a Guiné Bissau com 11 pontos e Nambía, com 8. Moçambique com 8 e Zâmbia, 7, ficaram de fora.

A Bola