A Polícia da República de Moçambique (PRM) deteve um indivíduo acusado de roubar cabos eléctricos, que deixaram a Ponte Maputo-Katembe parcialmente as escuras.

O acusado que se eontra a “ver o sol a nascer aos quadradinhos” na 18ª esquadra da PRM na cidade de Maputo, nega que tenha roubado os cabos e diz que o material suspeito encontrado na sua posse, está disponível algures no Porto de Maputo.

A Polícia da República de Moçambique (PRM), diz que o iondivíduo é reicidente na vandalização da ponte Maputo-Katembe, e esta a trabalhar para neutralizar os seus comparsas hora fugitivos.

A ponte Maputo-Katembe foi inaugurada no dia 10 de Novembro e, é uma das infra-estruturas mais caras construídas depois da independência de Moçambique, estando orçada em 785 milhões de dólares.

Folha de Maputo