A PRM deteve na Beira uma quadrilha indiciada de ter raptado uma menor de sete anos no início deste mês, no bairro da Ponta-gêa e tentaram pedir resgate. A menor foi resgatada pela polícia e já se encontra em convívio familiar.

Ao todo são quatro indivíduos, dos quais três homens e uma mulher, indiciados no rapto de uma menor de sete anos, no dia 1 de Dezembro pelas 19 horas. Sem muitos detalhes o SERNIC em Sofala indicou que uma semana depois do sequestro a menor foi encontrada.

Em contacto com a imprensa, os indiciados recusaram as acusações, porém segundo o SERNIC, a mulher indiciada no crime teria ligada para a família da vítimas, por razões que ela própria não soube explicar.

No prosseguimento das diligências tomadas pela polícia, foram apreendidos diversos telemóveis que supostamente teriam sido usados pelos indiciados, que serão objectos de investigação.

Folha de Maputo