Um indivíduo cuja identidade não conseguimos apurar, mas que aparentava ter 30 anos de idade, teve morte imediata, na manhã desta quarta-feira, na sequência de atropelamento por um comboio de mercadorias pertencente a empresa Caminhos de Ferro de Moçambique.

O acidente ocorreu no distrito de Gondola, concretamente na localidade de Bengo e o comboio circulava no sentido Machipanda a Beira, tendo depois de colher o cidadão o deixado totalmente trucidado, deixando o corpo da vítima separado da cabeça a um raio de 800 metros.

Até então não são claras ainda as circunstâncias que motivaram o incidente, mas testemunhas ouvidas no local aventam a hipótese de ter havido desatenção da vítima na travessia da linha-férrea.

O País