COMPARTILHE

A sede provincial do Movimento Democrático de Moçambique (MDM), em Nampula, foi vandalizada  por desconhecidos que reviraram documentos e apoderaram-se de cerca de trinta e sete cadeiras plásticas.

Vasco Napaua, delegado político provincial, não tem duvidas que o acto foi perpetrado por indivíduos de ma fé que perseguem o partido. Aliás, também a sede da delegação política da cidade sofreu recentemente, um roubo. “É estranho que em menos de dois meses sofremos dois roubos, com as mesmas características. Analisando tudo isto, parece-me uma perseguição”, lamentou.

Vasco Napaua diz-se indignado com a polícia, que, depois de comunicada sobre a ocorrência, mostrou-se indisponível.

O que constatamos na polícia é que os homens da PIC não estavam presentes e que devemos voltar amanhã. Só não sei se até lá terão vestígios suficientes para se fazer a investigação”, queixou-se o delegado político provincial.

Napua disse que neste momento o partido está a analisar se alguma outra coisa teria sido roubada e se algum documento terá desaparecido.

O País

COMENTE PELO FACEBOOK

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA