Um menor de 8 anos foi sequestrado pelo seu próprio tio no bairro de Infulene na Cidade da Matola na manhã da quinta-feira, quando estava a caminho da escola.

Osvaldo Lourenço de 34 anos de idade alegou ter sequestrado o sobrinho por estar sem emprego, sem fundos para sobreviver e porque havia contraído muitas dividas. Assim, esperava com este acto macabro pagar as suas contas e poder levar a vida de forma normal.

Deste modo, a mãe do menor referiu que o indiciado informou através de mensagens enviadas por telemóvel, que queria um valor estimado em 1 bilião de meticais para o resgate.

Contudo,  o indiciado está neste momento nas mãos da polícia, graças ao depoimento dos familiares do menor e dos serviços prestados pelas autoridades.