Uma nuvem de fumo originada pela queima de pneus num terreno pertencente à construtora Tâmega, gerou alvoroço entre os moradores do Bairro do Hulene, na cidade de Maputo e naqueles que passavam pelas imediações.

Segundo escreve o Noticias na sua edição de hoje, a ocorrência deu-se cerca das 11.30 horas quando um grupo de crianças decidiu queimar o lixo depositado no local, onde se encontra amontoada uma considerável quantidade de pneus, originando chamas e fumo, confundidos com uma incêndio de residências.

A partir dos terminais de Xiquelene, Hulene e Laulane era possível ver-se nuvens de fumo provocadas pelas chamas, que  pouco a  pouco iam cobrindo os estabelecimentos comerciais e casas nas imediações.

Uma equipa da Polícia na República de Moçambique (PRM), afecta à 14ª Esquadra, fez-se ao local com intuito de conter os ânimos e o desespero da população, na altura em que o incêndio ia se alastrando pelo capim ali existente.

O Serviço Nacional de Salvação Pública (SENSAP) foi chamado a intervir para extinguir o fogo e evitar que os fios de electricidade de média tensão que cruzam a área, fornecendo energia às residências próximas, não fossem afectados pelo fogo.

Não há notícias de vítimas ou de pessoas que terão procurado os serviços de Saúde por inalação de fumo.