A polícia da República de Moçambique (PRM), desmantelou uma quadrilha na manhã desta quarta feira, em Maputo, após assaltar cerca de 400 mil meticais a um indivíduo que saía do banco “Standard Bank”. Na ocasião, foram recuperadas 19 mil meticais, duas armas do tipo pistola e foi apreendida uma viatura de marca Toyota Corola com chapa de matricula AEB-238 MP, na qual se faziam transportar.

O indivíduo foi interceptado quando saía do banco  “Standard Bank”, ao longo da Avenida Julius Nherere na da cidade de Maputo.

O porta-voz da Polícia da Cidade de Maputo,  disse que os quatro assaltantes, foram interceptados graças a intervenção da polícia que passava daquele local, no âmbito  das suas actividades de patrulha.

Orlando Mudumane disse que  ” a neutralização dos indivíduos que acabavam de assaltar o valor foi graças a uma a pronta intervenção da polícia”. Ele, acrescentou que os indivíduos  foram neutralizados depois de troca de tiros com as autoridades polícias, onde um pôs se em fuga e o outro foi baleado mortalmente, tendo sido presos dois.

 “Entrei no banco Standard Bank para levantar dinheiro em cheques um era de 200 mil e o outro era aproximadamente 192 mil, quando estava a sair dois indivíduos me interceptaram e pediram dinheiro não lhes entreguei, atirei para cima, eles apanharam e se puseram em fuga, só que vinha uma viatura da Polícia, foram perseguidos e neutralizados após troca de tiros”, explicou o indivíduo assaltado na condição de anonimato.

Faduco, um dos membros da quadrilha confessou o seu envolvimento no crime. O suposto disse que “fomos neutralizados quando tentávamos roubar dinheiro”. O mesmo acrescentou que as duas armas do tipo pistola adquiriram com um indivíduo que trouxe de Nampula para lhes vender por 5 mil meticais cada.

O membro do grupo já morto respondia pelo nome de Aniceto.