Destaque Inundações causam o desaparecimento de 11 pessoas no sul da China

Inundações causam o desaparecimento de 11 pessoas no sul da China

Receba atualizações de trabalhos do MMO Emprego

Siga o nosso canal do Whatsapp para receber atualizações diárias anúncios de vagas.

Clique aqui para seguir

O departamento de Gestão de Emergências da província de Guangdong, no sul da China, informou que pelo menos 11 pessoas estão desaparecidas após fortes chuvas que afetaram várias regiões da área nos últimos dias.

As operações de busca e salvamento continuam nas áreas afetadas, que incluem a capital provincial, Cantão, e as cidades de Shaoguan, Heyuan, Zhaoqing, Qingyuan, Meizhou e Huizhou.

As intensas chuvas resultaram na evacuação de um total de 53.741 pessoas, das quais 12.256 foram realojadas de forma urgente.

O aumento do nível dos rios na região foi uma das consequências das fortes chuvas, com 38 estações hidrológicas em 24 rios da província registando níveis de água acima do limiar de alerta.

Para fazer face às inundações, as autoridades ativaram o nível IV de resposta a emergências nas cidades de Shaoguan e Qingyuan, o que desencadeou a mobilização de mais de 200 trabalhadores do setor do saneamento para limpar ruas, esgotos e canais.

As previsões meteorológicas para a próxima semana na província de Guangdong apontam para a continuação de chuvas frequentes. A China usa um sistema de aviso meteorológico com quatro cores, sendo o vermelho o mais grave, seguido do laranja, amarelo e azul.

Além de Guangdong, são esperadas fortes chuvas e trovoadas nas províncias de Guangxi (sul), Fujian (sudeste) e Zhejiang (leste) entre domingo à noite e segunda-feira à noite.

As autoridades locais recomendaram à população que desligue a eletricidade em áreas de risco e suspenda atividades ao ar livre. Também foram emitidas recomendações para a implementação de medidas de drenagem nas áreas urbanas e agrícolas, visando evitar possíveis desastres como torrentes nas montanhas, deslizamentos de terras e avalanches.