Desporto Ferroviário da Beira empata com União Desportiva do Songo

Ferroviário da Beira empata com União Desportiva do Songo

Receba vagas no seu WhatsApp

Siga o nosso canal do WhatsApp para receber vagas no status do WhatsApp.

Clique aqui para seguir

O Ferroviário da Beira empatou no domingo, a duas bolas com a União Desportiva do Songo, passou a somar 36 pontos, mais três que o seu mais directo perseguidor agora o seu homónimo de Nampula que venceu o Baía de Pemba, no último sábado, por um a zero, somando 33 pontos.

Com o empate entre os “locomotivas” do Chiveve e os “hidroeléctricos” o Moçambola-2023 continua com a luta pelo título acesa, sendo que a conquista será decidida nas duas jornadas que ainda faltam por disputar.

Destaque para a derrota do Ferroviário de Maputo, em Quelimane, frente ao Ferroviário local, por uma bola sem resposta.

Em Nacala, o jogo foi interrompido aos 80 minutos, quando o Ferroviário de Lichinga vencia o Ferroviário local, por uma bola sem resposta.

Contudo, o Costa do Sol goleou o Matchedje de Maputo, por quatro bolas sem resposta, no pretérito sábado.

A ronda 21 conclui-se esta segunda-feira, quando se defrontarem Associação Black Bulls de Maputo e Associação Desportiva de Vilankulos, no Campo número 2 – relva natural – do complexo desportivo da ABB, em “txumene”, na Matola.

Do quarto ao nono situam-se Ferroviário de Lichinga, 31; Costa do Sol Maputo, 30; o trio Ferroviário Maputo, Black Bulls e Baía de Pemba têm cada, 29 pontos; a ADV 27; nos lugares de despromoção: Ferroviário de Nacala, 22; Ferroviário de Quelimane, 16 e o Matchedje de Maputo é o último com 10 pontos

Ganhe 1000MT hoje no Aviator. Comece com 10MT.