Destaque Homem coloca Mulher e filhas em cativeiro durante 22 anos

Homem coloca Mulher e filhas em cativeiro durante 22 anos

Uma mulher e duas filhas foram colocadas em cativeiro durante 22 anos pelo esposo, no Brasil, em Valença, Rio de Janeiro, no distrito de Pentagna. As vítimas eram obrigadas a viver em condições precárias e privadas de ir a consultas médicas.

De acordo com o site brasileiro G1, a família estava aprisionada numa casa situada numa zona rural de difícil acesso, tendo apenas sido encontrados por um denúncia dos vizinhos que alertaram a polícia, após terem sido ameaçados pelo homem de 60 anos, que fugiu para uma mata, para não ser apanhado pelas autoridades locais.

Das duas filhas, nenhuma delas possuía documentos de identificação civil, nem se sabe ao certo que idades é que possam ter, porque não foram registadas, especula-se apenas que uma delas seja menor de idade, porque a filha mais nova nasceu em casa quando a mãe foi impedida de ir às consultas pré-natal e de receber assistência médica no momento do parto.

As forças policiais removeram da casa as três mulheres que se encontravam em cativeiro, tendo mesmo localizado a família da esposa que há muito que pensava que já estava morta.

Dentro do imóvel foram descobertas uma espingarda calibre.28 e várias munições, as autoridades também disseram que o suspeito tem um mandado de captura por homicídio qualificado, desde 2007 que está foragido à Justiça.

A Polícia Civil pede ainda a colaboração da população para denunciar o suspeito que se encontra em fuga.