Início Sociedade Bernardino Rafael diz que não existem zonas sob controlo dos insurgentes

Bernardino Rafael diz que não existem zonas sob controlo dos insurgentes

O Comandante-Geral da Polícia confirma que continua a situação de alteração da ordem pública nalguns distritos de Cabo Delgado. Segundo Bernardino Rafael, as Forças de Defesa e Segurança continuam a trabalhar com vista a repor a ordem.

“Ainda prevalece a alteração da ordem em Cabo Delgado. O que temos falado nós das Forças de Defesa e Segurança é apelar para a colaboração porque os jovens que estão lá actuam… alguns são moçambicanos apesar de maior parte ser oriundo da Tanzânia, mas são moçambicanos que estão a ser enganados para o emprego, e é um emprego que não existe. São enganados para entrar no meandro do crime. Por tanto a situação prevalece e nós estamos a trabalhar para a reposição da ordem”.

Bernardino Rafael diz que as zonas mais críticas são os distritos nortenhos de Cabo Delgado.
“As zonas mais críticas são os distritos nortenhos de Cabo Delgado e mais um distrito quase do centro. Estamos a falar agora do Quissanga que já está na lista de zonas críticas. Então estamos a falar principalmente de Mocímboa da Praia, de Muidumbe, de Macomia. Estamos a falar das comunidades de Quissanga, as pequenas comunidades de Meluco e Moeda e Nangade”.

O Comandante-Geral da Polícia nega que haja zonas que estejam sob controlo dos insurgentes.

“Não existem zonas que se pode dizer que estão nas mãos de insurgentes, o que existe são zonas propensas as incursões dos malfeitores”, diz Bernardino Rafael.

FONTEO País
Artigo anteriorRegulador moçambicano dos petróleos desapontado com adiamento de investimento da ExxonMobil
Próximo artigoFMI suspende USD 15 milhões no pagamento do serviço da dívida do país