Ossufo Momade desembarcou no aeroporto de Quelimane na tarde da terça-feira (03) e à sua espera estavam membros e simpatizantes da Renamo encabeçados pelo cabeça-de-lista para o cargo de governador da Zambézia e actual edil de Quelimane, Manuel de Araújo. Naquele ponto do país, o candidato da Renamo promete um combate cerrado contra a corrupção caso seja eleito.

Antes de saudar a população, o candidato presidencial da perdiz falou aos jornalistas e dentre vários assuntos comentou em breves palavras a crise dentro do seu partido. Momade disse que Mariano Nhongo é um cidadão moçambicano e pede que volte à razão.

Seguiu-se uma caravana bastante concorrida, por um lado, com a população a marchar, mas também os famosos ciclistas a comporem a imagem que marca a chegada de Ossufo Momade à segunda província mais populosa do país.

Foram necessárias cerca de duas horas para chegar ao campo de Chirangano, na periferia da cidade de Quelimane…

O presidente da Renamo aproveitou a ocasião para apresentar oficialmente Manuel de Araújo como cabeça-de-lista e este por sua vez dirigiu-se em língua local aos presentes.

O País