A Autoridade Reguladora das Telecomunicações (ARECOM) denunciou a existência de esquemas fraudulentos de chamadas telefónicas da rede móvel que, a partir do estrangeiro, tem lesado operadoras nacionais.

De acordo com um comunicado de imprensa divulgado hoje, a ARECOM diz que o esquema foi detectado na cidade de Chimoio, província de Manica.

“Foram detectados na cidade de Chimoio, capital da província de Manica, casos de uso da SIM Box, um dispositivo que hospeda Cartões SIM (Módulos de Identificação do Subscritor) e com a ajuda da qual se tem praticado fraudes nas chamadas telefónicas oriundas do estrangeiro” diz o comunicado explicando a seguir, a forma como o processo acontece.

“As chamadas efectuadas a partir do estrangeiro são desviadas para o referido dispositivo electrónico, com o intuito de torná-las locais e, por essa via, reduzir o custo das mesmas” explica a nota, que fala de perdas avultadas para as operadoras nacionais.

“Esta actividade criminosa tem conduzido a perdas financeiras consideráveis aos operadores de telefonia móvel celular, em resultado da redução das chamadas (lícitas) que terminam nas suas redes. Este fenómeno tem, também, provocado danos a nível da própria segurança, integridade e qualidade da rede” salienta.

Ainda assim, a ARECOM diz que o problema tem dias contados, uma vez que “em coordenação com as operadoras e outras instituições, está, neste momento, a desenvolver acções para estancar imediatamente esta acção e responsabilizar os infractores”.

O País