Uma mulher está detida desde a semana finda, acusada de assassinar o próprio marido, do qual estava separado há pouco mais de um mês, supostamente com recurso a uma faca em Nampula.

O crime considerado passional ocorreu na noite de passada quinta-feira (25), no bairro de Namutequeliua, arredores daquela urbe.

Carlos Armando, de 34 anos de idade, morreu de forma trágica quando naquele dia se dirigiu à casa da ex-esposa para tentar um reatamento, uma vez que nunca esteve conformado com a separação e não via com bons olhos o facto de a sua ex-consorte ter se juntado a um outro homem, disse um familiar.

O casal, que durante vários anos manteve uma relação amorosa da qual tiveram dois filhos, “discutia sempre que se encontrava e o homem não se cansava de se deslocar à casa da ex-mulher”.

Antes do último suspiro, Carlos implorou pela vida a um dos vizinhos mas, infelizmente, morreu antes de ser levado ao hospital.

 

@Verdade