Um  cidadão de origem asiática, cujo nome não foi possível apurar, foi raptado no final da tarde desta quarta-feira na avenida de Angola, nas proximidades do estabelecimento comercial Home Center, na cidade de Maputo. Informações prestadas ao jornal notícias indicam que a vítima foi interceptada por dois indivíduos munidos de igual número de armas de fogo que a obrigaram a entrar numa viatura da marca Toyota Conquest, sem chapa de matrícula.

Dada a resistência da vítima, os sequestradores desferiram contra ela alguns golpes, como forma de forçá-la a entrar no carro, partindo, de seguida, para lugar incerto. Fonte do “Notícias” contou que antes de abandonarem o local da ocorrência, os raptores dispararam várias vezes para o ar, como forma de dispersar e desviar a atenção de pessoas que passavam pelo local, circundado por estabelecimentos comerciais.