A Primeira-Dama de Moçambique, Isaura Nysui, destacou nesta quinta-feira que é indispensável a união de mulheres e homens nos trabalhos rumo à liberdade sócio-económica do país.

Num encontro mantido no palácio presidencial da Ponta-Vermelha, com cônjuges dos ministros e corpo diplomático acreditado em Moçambique, por ocasião do mês da mulher que este ano celebra-se sob o lema “Igualdade para as mulheres é igualdade para todos” Isaura Nyusi realçou igualmente a importância da manutenção da rapariga na escola.

“Encorajo a todas as mulheres a continuarem a lutar com sabedoria e determinação para que possamos vencer os grandes desafios que temos pela frente, principalmente no que concerne à educação da rapariga”, disse a Primeira-Dama.

Nyusi destacou igualmente a importância do conhecimento que protege os direitos da mulher, na obtenção de resultados positivos das acções que visam a sua integração na vida laboral.

“Quero afirmar mais uma vez que esta é uma luta de todos e podemos estar seguros que só será possível obter resultados positivos quando todos os homens e mulheres cumprirem a sua parte e trabalharmos em conjunto” frisou.