O Movimento Democrático de Moçambique apresentou, esta segunda-feira, a candidatura às eleições provinciais e legislativas de 15 de Outubro. As candidaturas foram entregues à Comissão Nacional de Eleições, que iniciou, ainda ontem, o processo de avaliação dos processos.

Foram cerca de 15 malas contendo acima de 1500 processos individuais de candidatos a deputados da Assembleia da República e membros das assembleias provinciais. As listas já entregues à Comissão Nacional de Eleições contemplam candidatos efectivos e suplentes que oficializam a candidatura do MDM.

Pretendemos concorrer em todos os círculos eleitorais deste país. A máquina já está montada e, com a entrega das candidaturas, podemos dizer que estamos preparados, disse José Manuel de Sousa, mandatário do partido.

Esta será a segunda experiência do MDM para as legislativas e provinciais. Para este ano, o partido liderado por Daviz Simango diz estar a preparar-se para melhorar os resultados alcançados nas eleições passadas.

O MDM é o primeiro partido a oficializar a sua participação nas legislativas e assembleias provinciais.