Governo autoriza uso do lenço muçulmano nas escolas
O Governo cedeu à pressão da comunidade muçulmana e decidiu autorizar o uso do lenço muçulmano nas escolas públicas e privadas, sem nenhuma restrição.

A decisão foi tomada ontem, à tarde, em reunião havida no Ministério da Justiça, entre a ministra da Justiça, Benvinda Levi; o ministro da Educação, Zeferino Martins; e líderes de diversas organizações muçulmanas, entre os quais os “sheiks” David Cássimo, Abdul Carimo, Aminnuddin, entre outros. Segundo apurámos, os líderes muçulmanos questionaram as razões por que as muçulmanas são proibidas de usar lenços nas escolas se as freiras católicas o fazem sem nenhuma consequência. Benvinda Levi defendeu o diálogo.