Economia Nampula prevê comercializar mais de 82 mil toneladas de castanha de caju

Nampula prevê comercializar mais de 82 mil toneladas de castanha de caju

A província de Nampula prevê produzir e comercializar nesta campanha cajuícola, mais de oitenta e duas mil toneladas de castanha.

Este volume corresponde um crescimento em cinco por cento comparativamente a quantidade comercializada na campanha anterior.

Contudo, o Delegado Provincial do Instituto de Amêndoas de Moçambique em Nampula, Júlio Langa explicou que para a materialização destas metas, está em curso a campanha de tratamento químico, tendo já sido pulverizados cerca de quatro milhões e quinhentos mil cajueiros.

Segundo Júlio Langa, neste momento, os cajueiros encontram-se em estado de floração satisfatório, augurando bons níveis de produção.

Nampula é a maior produtora da castanha, contribuindo com cerca de quarenta por cento da produção nacional anual estimada em cento e cinquenta e sete mil toneladas. Possui um parque cajuicola de cerca de quinze milhões de árvores.

Recomendado para si:   Sector da Pecuária incinera ovos provenientes da África do Sul