Um indivíduo encontra-se detido na 7ª esquadra da Polícia da República de Moçambique (PRM) na cidade da Beira indiciado de homicídio qualificado contra o seu enteado.

De acordo com o porta-voz da PRM em Sofala, Dércio Chacate, trata-se de X. Jorge, 49 anos,  que, segundo conta, no último domingo, empurrou o enteado durante uma discussão, tendo este caído e  perdido a vida.

Ainda de acordo com Jorge, quer ele, quer o finado estavam sob efeitos de álcool. Aliás a discussão começou depois que o enteado pediu a ele e a mãe dinheiro, 200 meticais, para comprar mais bebida. Na sequencia de uma resposta negativa dos pais, o jovem lançou areia para o prato do padrasto.

“Depois disso, eu empurrei-o para afastá-lo daí e ele caiu”, conta Jorge. A queda foi fatal.

O porta-voz provincial da policia disse que a foi a mulher de Jorge, mãe da vítima, que denunciou o caso.