A Empresa Municipal de Transportes Públicos de Maputo (EMTPM) espera recuperar 30 autocarros nos próximos dois meses, graças a um memorando de entendimento assinado, com a Matchedje Motor.

Dificuldades técnicas e financeiras para aquisição de peças sempre foram o ponto fraco da EMTPM para fazer a manutenção da sua frota. Assim, a Matchedje Motor passa a ser a responsável pela importação de peças e recuperação dos autocarros da Empresa Municipal de Transportes Públicos de Maputo. E a primeira intervenção será a recuperação de 20 por cento da frota avariada.

A empresa tem cerca de 80 autocarros parados e 59 no activo. A Matchedje vai trabalhar com os autocarros das marcas VW e Yuntong. A montadora garante ter técnicos capacitados para trabalhar com este tipo de autocarros e já tem peças para o efeito.

A empresa não adianta os custos da recuperação e diz que ainda vai fazer um levantamento. Estas medidas surgem depois de, em Abril, o Presidente da República ter-se deparado com autocarros parados por falta de pneus e baterias, tendo exigido restruturações profundas.

O País