Cerca de 380 professores padecem de HIV/SIDA em Manica
O HIV/Sida está a comprometer o processo de ensino na província de Manica. Dados avançados pela direcção provincial de Educação naquele ponto do país dão conta de que cerca de 380 professores estão infectados pela doença.

De acordo com as estimativas, cerca de 380 professores têm estado a exercer a sua função de forma anormal devido ao HIV/Sida em Manica, o que compromete o processo de ensino-aprendizagem naquela parcela da zona centro do país.

Grande parte deste número está a cumprir com tratamentos intensivos, o que obriga os professores a passarem maior parte do tempo em cuidados de saúde, em detrimento de estarem a trabalhar, afirmou Estêvão Rupela, director provincial da Educação em Manica.

“Nós temos muitos professores na nossa província que estão doentes. Sabem muito bem que, por se tratar de um corredor, a situação da província de Manica não é igual a de outras províncias. Nós deparamos com muitas situações de colegas doentes que não podem dar o seu máximo porque estão nesta situação”, explicou a fonte.