Sociedade Empresário restituído à liberdade três meses depois do rapto

Empresário restituído à liberdade três meses depois do rapto

O empresário Ahmed Anwar, dono de um estabelecimento hoteleiro na cidade de Maputo, regressou, no sábado, ao convívio da família, três meses depois do sequestro ocorrido nas proximidades da sua casa, na zona de Sommershield II, no bairro Polana Caniço “A”.

A TV Miramar que cita uma fonte próxima da vítima, avança que a família viu-se obrigada a pagar o dinheiro exigido pelos sequestradores, após prolongadas negociações.

O Serviço Nacional de Investigação Criminal ainda não se pronunciou sobre o desfecho deste caso.

Anwar foi raptado na noite de 30 de Junho quando regressava da mesquita, numa semana que teria sido marcada por movimentações de pessoas estranhas no quarteirão. No mês de Julho, o Serviço Nacional de Investigação Criminal, apresentou, na cidade de Maputo um jovem suspeito de envolvimento no referido rapto. O indiciado negou todas as acusações.