Início Sociedade Tráfego de passageiros e circulação de mercadorias afetados por restrições da covid

Tráfego de passageiros e circulação de mercadorias afetados por restrições da covid

Os transportes moçambicanos perderam um quinto dos passageiros em 2020, de acordo com o novo Comunicado do Instituto Nacional de Estatística (INE).

O tráfego de passageiros registou um decréscimo de 20,7%, enquanto a circulação de mercadorias caiu 18,1%, lê-se no documento que abrange um ano afetados por graves restrições à circulação como forma de prevenir a propagação da covid-19.

O total de passageiros por quilómetro – medida uniformizada de medição – caiu de 48.579 em 2019 para 38.513 no último ano.

O setor ferroviário foi o mais afetado com uma redução de 75,6%, seguindo-se o transporte aéreo que perdeu 40,6% dos passageiros e o transporte marítimo com menos 25,1% face a 2019.

FONTEFolha de Maputo
Artigo anteriorEUA desaconselham que idosos tomem aspirina para prevenir doenças cardíacas
Próximo artigoOrganizações denunciam suspeitas de tráfico de bebés em hospitais de Maputo