Três pessoas, dentre as quais, duas menores, morreram em consequência de acidentes de viação registados ao longo do passado fim-de-semana na cidade e província de Maputo.

Os acidentes em referência, que resultaram ainda em um ferido grave e vários danos materiais, tiveram como causas, o excesso de velocidade aliado a má travessia dos peões.

De acordo com o porta-voz da Polícia de Trânsito (PT), na capital do país, Isildo Bule, um dos acidentes de viação, que resultou na morte de um menor de um ano de idade e feriu outro de 11, registou-se no bairro de Mavalane, cidade de Maputo.

Já na província de Maputo houve registo de dois atropelamentos, um dos quais no bairro Patrice Lumumba, município da Matola, que resultou na morte de uma menina de sete anos de idade.

Segundo a porta-voz da Polícia da República de Moçambique (PRM), Carmínia Leite, a menor até foi transportada para a unidade sanitária, mas não resistiu aos ferimentos.

Um balanço agregado da cidade e província de Maputo indica que foram fiscalizados, ao longo do final de semana, 2240 viaturas, tendo sido autuados 419 automobilistas por diversas irregularidades, com destaque para o excesso de velocidade.