Mais 110 pessoas testaram positivo, nas últimas 24 horas, para o novo coronavírus, elevando para 12 mil 525 o cumulativo de casos da Covid-19, no país.

 A cidade de Maputo, continua a ser a província com o maior número de infectados, tendo nas últimas 24 horas registado 58 novos casos da doença, mais da metade do total de infecções registadas em todo o país.

Maputo também é a província com o maior número de pessoas internadas pela doença, estando a hospitalizar 94 por cento das 50 pessoas actualmente internadas.

Cumulativamente, são 452 pacientes internados, em todo o país, padecendo de patologias crónicas diversas associadas a covid-19, com destaque a hipertensão arterial e diabetes.

Entretanto, o país registou 216 casos de pessoas totalmente recuperados, no período em alusão.

A maioria dos recuperados foi contabilizada na província de Maputo, que registou 118 casos, seguida pela Cidade de Maputo, com sessenta e sete casos, dezasseis casos na província da Zambézia, treze em Nampula, e dois casos recuperados na província de Inhambane.

Entre os recuperados esta quinta-feira, constam dois cidadãos estrangeiros, de nacionalidades brasileira e indiana.

Cumulativamente, dez mil e uma pessoa são consideradas recuperadas da infecção do novo coronavírus.

No período em alusão, não foram registados óbitos devido a doença, o que mantém em noventa e um o número de vítimas mortais em consequência da covid-19 em Moçambique.