Além da capacidade de tradução, C-Mask pode fazer ligações e enviar mensagens ao ser pareada com um smartphone via bluetooth

Assim como são testadas possíveis vacinas contra a Covid-19, também são estudados novos materiais e tecnologias para as máscaras de proteção facial que ajudam a prevenir a doença. Em setembro, a empresa japonesa Donut Robotics pretende lançar uma máscara capaz até de traduzir idiomas.

Denominado C-Mask, o acessório, que foi anunciado em junho, tem uma função de Bluetooth que pode parear com o celular. A “smart mask” surgiu a partir de uma guinada no foco da empresa após o surgimento do coronavírus. Até então, a companhia criava robôs para aeroportos com funções de tradução.

“Nós trabalhamos por anos para desenvolver um robô e nós usamos essa tecnologia para criar um produto que responde a como o coronavírus mudou a sociedade”, afirmou à Reuters o CEO da Donut Robotics, Taisuke One.