O Director-geral do Serviço Nacional Penitenciário diz que já foi criada uma comissão para averiguar o que terá acontecido no estabelecimento penitenciário regional – norte em Nampula. Os resultados da investigação deverão ser apresentados ainda esta semana.

Vinte e quatro horas após a rebelião que resultou em três óbitos e sete feridos na quarta-feira (07) no estabelecimento penitenciário regional – norte em Nampula, o ministério da justiça através do serviço nacional penitenciário diz que já foi criada uma comissão que vai se inteirar do assunto no local e tomar as medidas necessárias.

A fonte diz que neste estabelecimento estão mais de mil reclusos, que é a capacidade instalada, e garante que entre eles não há nenhum arguido do processo ataques armados em Cabo Delgado.

O País