O Gabinete Central de Combate a Corrupção (GCCC), acusou 11 arguidos no processo relacionado ao desvio de fundos do Instituto Nacional de Segurança Social (INSS).

Segundo um comunicado que citado pelo País, de entre os acusados estão Maria Helena Taipo, antiga Ministra do Trabalho, Pita Guerreiro, Ernesto Simango e Filomena Sumbana.

Pesa sobre os 11 acusados, os crimes de Corrupção Passiva para acto Ilícito, Corrupção Activa, Peculato, Branqueamento de Capitais e Violação de Legalidade Orçamental.

Do total dos arguidos, quatro estão detidos em prisão preventiva, sete respondem o processo em liberdade e contra dois foi emitido mandato de captura internacional.

Folha de Maputo