Um homem matou de forma violenta a própria mulher depois de esta ter sofrido um AVC e se ter tornado num fardo, segundo o próprio admitiu às autoridades.

Johnathan Conaway, de 45 anos, ligou para a polícia de Phoenix na segunda-feira, dando conta da morte da sua mulher.

Num “testemunho espontâneo”, o homem terá confessado de imediato ter sido o próprio a matar a vítima com quem era casado há 14 anos. Este terá atacado a mulher com uma chave inglesa e depois sufocou-a até à morte.

Segundo conta o Mirror, o casal sempre apresentou alguns conflitos durante o casamento, situação que se agravou depois de Janice ter sofrido um AVC e de Johnathan ter ficado responsável por tratar dela. O homem passou a ver a mulher como “um fardo” e a isso somaram-se ainda os problemas financeiros causados pelas suas necessidades médicas.

O homem já teria dito a outras pessoas que se a mulher morresse poderia ser melhor para si e para os seus filhos, sobretudo depois de ter perdido o seu emprego.

Jonathan enfrenta agora uma acusação por homicídio.

Notícias ao Minuto