Moçambique é classificado como um dos países com alta carga de tuberculose no mundo, com uma taxa de cerca de 160 mil novos casos por ano.

Deste número, mais de vinte mil casos estão relacionados com a população infantil. Para responder a esta necessidade, o Ministério da Saúde lançou, hoje, um novo procedimento para o tratamento da tuberculose na criança.

Designada doses fixas combinadas, o novo medicamento deverá estar disponível em todas as unidades sanitárias do país.

Para a representante da Organização Mundial da Saúde, Djamila Cabral, este acto simboliza um grande avanço na redução da propagação da doença e vai permitir acompanhar os índices cada vez maiores da doença nas crianças.

Lembre-se que cerca de quatrocentas crianças morrem todos os dias vítimas da tuberculose, em todo o mundo.

O País