Uma farmácia que vendia medicamentos supostamente roubados do Sistema Nacional de Saúde foi encerrada em Mocuba, província da Zambézia, depois de uma decisão tomada pela direcção provincial do sector da Saúde.

Segundo noticiou a Rádio Moçambique, a informação foi revelada pelo director provincial da Saúde, Hidayat Kassim, durante uma reunião do governo local.

A operação, que envolveu a Polícia da República de Moçambique (PRM), culminou com a aplicação de uma multa no valor de duzentos mil meticais.

Jornal Notícias