Uma empresa alemã está vendendo hímens falsos para que muçulmanas que tiveram relações íntimas antes do casamento possam fazer com que seus maridos pensem que elas são virgens.

A “Virginia Care” oferece um pacote de duas membranas ultrafinas para serrem colocadas no interior das consumidoras a fim de simular que seu hímen não foi rompido.

VirginiaCare Hymen

Devido a um influxo de refugiados de países muçulmanos na Alemanha, as vendas cresceram e cada vez mais mulheres estão comprando o produto. O item ainda possui um líquido que se assemelha a sangue, para que a compradora possa “provar” que é virgem.

O procedimento cirúrgico que “repara” o hímen custa o equivalente a R$ 10 mil (cerca de 125 mil meticais).

Hymen

Uma das consumidoras escreveu para a empresa: “se o seu produto não existisse, eu não existiria agora”. Isso porque as mulheres muçulmanas oriundas de famílias moralmente rígidas que praticam o sexo antes do casamento podem enfrentam consequências fatais.

Gadoo